• Ricky Duraes

Biden declara estado de catástrofe no Kentucky após violentos tornados


Foto: JM Madeira

Washington, 13 dez 2021 (Lusa) – O Presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, declarou o estado de catástrofe no Kentucky (sudeste), devido aos tornados que já provocaram pelo menos 94 mortes em vários estados do país.

A declaração de estado de catástrofe, no domingo à noite, foi feita a pedido do governador do Kentucky, Andy Beshear, para permitir desbloquear mais ajuda federal para fazer face aos danos provocados pelos tornados.

Biden já tinha lamentado a situação, classificando-a como "uma das piores séries de tornados" da história dos Estados Unidos e uma “tragédia inimaginável”.

O Papa Francisco enviou nas últimas horas um telegrama de condolência às vítimas dos tornados - através do arcebispo de Los Angeles e presidente da conferência episcopal dos EUA, José Gómez – dizendo estar “triste ao saber do impacto devastador” destes desastres naturais e oferecendo “sinceras orações”.

Este fenómeno meteorológico excecional atravessou seis estados, deixando um rasto de destruição ao longo de centenas de quilómetros, mas foi em Mayfield - uma cidade de cerca de 10.000 habitantes, no Kentucky – que se produziram os piores efeitos.

Só no Kentucky foram contabilizados 80 mortos.

"Recordo que ainda estamos a descobrir corpos", disse o governador Andy Beshear, acrescentando que há milhares de pessoas que ficaram sem abrigo.

A maior parte das vítimas mortais foi encontrada numa fábrica de velas, onde na sexta-feira à noite trabalhavam cerca de 110 funcionários e que ficou totalmente destruída.

Troy Propes, diretor-geral da empresa proprietária da fábrica, defendeu a decisão de não encerrar as instalações perante a aproximação da tempestade, dizendo que tomou todas as precauções, mas lamentando as consequências fatais.

Também pelo menos seis pessoas morreram num armazém da empresa multinacional Amazon, em Edwarsdville, no Illinois, quando um telhado desabou.

0 comments