• Ricky Duraes

INFLAÇÃO ACELERA PARA 5,3% EM MARÇO À BOLEIA DA GUERRA NA UCRÂNIA. É O VALOR MAIS ALTO DESDE JUNHO

Segundo o Instituto Nacional de Estatística, a taxa de variação do índice de preços no consumidor foi de 5,3% em março. Trata-se do valor mais elevado desde junho de 1994.


A taxa de inflação terá subido em Portugal para 5,3% em março (o primeiro mês completo de guerra na Ucrânia) em relação ao mesmo mês do ano passado, segundo a estimativa rápida do Instituto Nacional de Estatística (INE), divulgada esta quinta-feira. Trata-se do valor mais elevado desde junho de 1994, diz o INE. Em fevereiro, o indicador tinha ficado nos 4,2%.


Para esta aceleração contribuiu a variação do índice dos produtos energéticos, que se fixou em 19,8%o valor mais elevado desde fevereiro de 1991 —, o que compara com 15% em fevereiro. Já o índice de produtos alimentares não transformados terá valorizado 5,9%, enquanto no mês anterior se situou em 3,7%. E se excluirmos os produtos alimentares não transformados e energéticos, que têm preços mais voláteis, o indicador de inflação subjacente terá subido menos, mas ainda assim a variação foi de 3,8% face ao mesmo mês do ano anterior — em fevereiro tinha sido 3,2%.


Já a variação média dos preços nos últimos 12 meses foi de 2,2% (em fevereiro foi de 1,8%). Comparativamente com o mês anterior, a variação do índice de preços no consumidor ter-se-á fixado em 2,5%. O INE estima ainda que o índice harmonizado de preços no consumidor (o IHPC), que permite comparações com outros países europeus, tenha aumentado 5,5% (depois de 4,4% em fevereiro).

Estes dados do INE são, porém, ainda provisórios. Os definitivos serão publicados a 12 de abril.


0 views0 comments