• Ricky Duraes

LEÃO SEM CHAVES PARA ABRIR O CASTELO TRANSMONTANO

O Desportivo de Chaves venceu pela primeira vez no terreno do Sporting, impondo, com o triunfo por 2-0, a segunda derrota dos ‘leões’ na edição 2022/23 da I Liga portuguesa de futebol. É a primeira vitória de sempre do Desportivo de Chaves no terreno dos Leões.


Foto: Record

Noite para esquecer do Sporting. Na primeira parte a equipa leonina ainda conseguiu criar algumas oportunidades, mesmo mostrando falta de definição na hora de finalizar, mas após o intervalo praticamente não conseguiu ameaçar a baliza flaviense.

Um Sporting vítima de si próprio. Como não bastassem os problemas nas transições defensivas e nas bolas paradas, que custaram mais dois golos sofridos, os leões revelaram frente ao Chaves uma ineficácia atacante quase sem paralelo na era Rúben Amorim. No total, contando os cantos, a bola sobrevoou a área dos flavienses 45 vezes. Desses 45 cruzamentos, nada menos do que 35 falharam o destino e dos restantes 10, já se sabe, não houve aproveitamento, que piorou quando coates passou a jogar na posição de ponta-de-lança.

Aos 60 minutos escândalo ou talvez não em Alvalade com o golo do Chaves. Steven Vitória cabeceou sem hipótese para Adán, na sequência de um livre lateral. Um belo golo do luso-canadiano.

Três minutos depois volta a marcar o Chaves. O Sporting a deixar muito espaço na defesa e Juninho aproveita, contorna Adán, e faz o 2-0 para os transmontanos.

Perdeu bem o Sporting, ganhou bem o Chaves, mas os dias do leão não podiam ser mais questionados. Porque se o que se passa ainda não é uma crise… ou dão um abanão no castelo ou a coisa vai ficar muito feia.



0 comments