• Ricky Duraes

Liga interdita bancada do Paços de Ferreira que cedeu no domingo

A bancada amovível do estádio Capital do Móvel, em Paços de Ferreira, que cedeu parcialmente no domingo, em pleno jogo entre pacenses e Sporting, foi hoje interditada pela Liga Portuguesa de Futebol Profissional.

"A decisão foi tomada na sequência de uma vistoria técnica realizada ao estádio, que levou à interdição imediata da zona, tendo o Paços Ferreira sido notificado da situação. Os responsáveis mostraram-se cooperantes desde a primeira hora, ficando agora de indicar uma nova zona com condições especiais de adeptos", refere a nota da Liga de clubes.

A bancada poente do estádio já estava encerrada preventivamente pelos pacenses, que reconheceram "a gravidade" da situação, ocorrida durante o jogo da 11.ª jornada da I Liga.

O Paços de Ferreira esclareceu hoje que decidira “suspender a utilização da bancada para reavaliação de todas as condições de utilização e adotar as medidas necessárias e suficientes, para uma utilização segura de todos os adeptos que possam vir a utilizar a mesma”.

"A bancada poente, bem como todo o restante estádio, encontram-se devidamente licenciados pela Liga de Portugal e devidamente certificados para a sua utilização em jogos oficiais. Antes do arranque oficial das competições são realizados trabalhos de manutenção que se possam mostrar necessários, o que aconteceu no início da presente temporada, além de uma inspeção regular permanente", informou o Paços de Ferreira.

No comunicado, o emblema nortenho aproveita para esclarecer que "a base que cedeu não serve de apoio a cadeiras da bancada, mas "como degrau numa das coxias [uma zona de passagem e não de permanência de adeptos]".

"O facto ocorrido ontem [domingo] é resultado de uma acumulação anormal e indevida de pessoas em cima de um único degrau de uma das coxias da bancada, que fez com que a base cedesse”, pode ainda ler-se na nota.



0 comments