• Ricky Duraes

MULHER DETIDA NOS EUA POR LIGAR MAIS DE 12 MIL VEZES PARA A POLÍCIA

Uma mulher foi detida na Flórida, nos Estados Unidos da América, por ligar mais de 12 mil vezes para a polícia e assediar os agentes.


Foto CNN Portugal

Na Florida aconteceu algo insólito. Uma mulher foi detida ligar mais de 12 mil vezes para a polícia e assediar os agentes.


Só em 2022, Carla Jefferson, de 51 anos, ligou, ao todo, 12.512 vezes para as linhas não urgentes das esquadras de São Petersburgo e Pinellas. Em julho, ligou 512 vezes no espaço de 24 horas.


De acordo com a Fox News, a mulher “assediou, desprezou, insultou e discutiu” com quem atendeu o telefone, em chamadas descritas como “vulgares, ameaçadoras e obscenas”.


As autoridades esclareceram que a situação atrapalhou as chamadas legítimas de pedidos de ajuda.


As chamadas feitas por Carla Jefferson representam 10% das comunicações via telefone na esquadra de São Petersburgo, este ano.


“Ela não liga para pedir os serviços da polícia. Ela liga para assediar, insultar e degradar quem atende”, afirmou Yolanda Fernandez. “Estamos numa situação em que as suas chamadas estão a interferir com a nossa habilidade para responder aos residentes que precisam de resposta da polícia.”


A mulher já tinha sido detida pelo mesmo crime há dois meses. Na altura, recebeu um aviso de que as suas ações iriam resultar num processo judicial.


Quando soube, Carla Jefferson ligou para a esquadra, pediu para ser detida por “gostar deste jogo” e, depois, recusou-se a abrir a porta quando as autoridades chegaram.


A mulher foi acusada de três crimes de uso indevido do sistema 911 (112, em Portugal) e assédio.



0 comments

Recent Posts

See All