• Ricky Duraes

“PODIA TER SIDO UMA GRANDE TRAGÉDIA”: OS RELATOS DE QUEM ASSISTIU AOS DISTÚRBIOS EM GUIMARÃES

Mais de cem adeptos do clube croata Hajduk Split invadiram o centro de Guimarães, na terça-feira à noite, e instalaram o pânico entre a população. Moradores e comerciantes relatam que “foi aterrador” e que “podia ter sido uma grande tragédia".


Testemunhas contaram que várias pessoas se viram obrigadas a fugir para dentro de estabelecimentos para fugir dos desacatos.

Moradores e comerciantes criticam a atuação da PSP, por considerarem que a sua intervenção foi tardia.

O presidente da Câmara de Guimarães reage aos acontecimentos e fala em "falta de atuação" por parte da PSP, pedindo um reforço da Polícia do Comando Distrital do Norte.

O comandante da PSP em Guimarães diz que o grupo de adeptos do clube croata, que provocou distúrbios na cidade, não foi abordado por motivos de segurança. Vítor Silva adianta que não houve falhas de comunicação e que a força de segurança fez tudo o que estava ao seu alcance.

0 comments