• Ricky Duraes

SECA PÕE A DESCOBERTO CORPOS NO MAIOR LAGO ARTIFICIAL DOS EUA

O lago Mead, entre o Nevada e o Arizona, é o maior reservatório artificial do país e fonte de água para milhões de pessoas. Esta semana e pela segunda vez foram encontrados restos mortais de humanos no lago.


Uma semana depois de um corpo ter sido encontrado, dentro de um barril, no lago Mead, nos Estados Unidos, foram encontrados novos restos mortais no local.


O lago norte-americano tem visto o nível das suas águas descer drasticamente na sequência da seca severa que se vive na região.


Na sequência disso, há sete dias, um barril com restos mortais no seu interior veio à tona. O corpo poderá pertencer a uma vítima de homicídio, revelaram mais tarde as autoridades.


Este fim de semana, uma nova descoberta macabra foi feita. O Serviço Nacional de Parques dos EUA revelou que uma testemunha relatou a descoberta de restos de esqueletos humanos em Callville Bay, na Área Nacional de Recreação do Lago Mead, na tarde de sábado.


Estas duas descobertas levam as autoridades a acreditar que muitos mais corpos poderão vir a ser descobertos ainda, escreveu o The New York Times.


A zona oeste dos Estados Unidos está a viver uma seca severa, causada pelas alterações climáticas, tratando-se da pior seca em 1.200 anos na região.


O lago Mead, entre o Nevada e o Arizona, é o maior reservatório artificial do país e fonte de água para milhões de pessoas.

0 comments